As portas da Biesse estão abertas para quem processa materiais tecnológicos

Dois dias, 28 e 29 de junho, durante os quais a Biesse abriu as portas do seu campus Pesaro para receber clientes e demonstrar com exclusividade a tecnologia que desenvolveu para todas as empresas que processam materiais tecnológicos.

O evento está sendo realizado em colaboração com 3A Composites, o fornecedor líder de materiais para placas que oferece uma variedade única de produtos sob marcas como ALUCOBOND®, DIBOND® e FOREX®.
Graças ao ímpeto de inovação que caracteriza a Biesse, desenvolvemos soluções automatizadas para empresas de todos os portes. Tecnologia que facilita o trabalho diário e que pode ser inserida não só nas grandes fábricas, mas também nas pequenas empresas que passaram a apreciar o enorme valor que as máquinas da Biesse trazem consigo”, afirma Raphaël Prati, Diretor de Marketing e Comunicação do Grupo Biesse.
Em particular, os participantes tiveram a oportunidade de assistir a uma demonstração da célula dedicada às operações de processamento de nesting, capaz de aumentar a produtividade graças à otimização de operações e espaços. A célula foi composta por um centro de trabalho Rover Plast B FT para a execução de todos os tipos de operações de processamento de nesting para plásticos e compostos, acompanhada por uma unidade de armazenamento Winstore K2 para o carregamento de peças e uma unidade de armazenamento Winstore K1 para a descarga de peças.
Os visitantes puderam assistir a uma demonstração ao vivo, com técnicos especializados à disposição de todos os centros de processamento, da série Rover para a execução de operações de processamento especiais e do Brema Plast Eko 2.1 para a fresagem vertical. Além disso, o Materia CL está em operação, o centro de processamento de 5 eixos para operações de processamento de alta velocidade de materiais avançados com formas complexas. Para operações de corte a Selco Plast WN6, a seccionadora com uma linha de corte para a produção de lotes médios, está presente.
Completando a linha, está o Terma, a nova unidade de termoformação apresentada na Plast 2018 e pela primeira vez em operação no centro de tecnologia da Biesse. Terma é projetado especificamente para a termoformação de materiais plásticos através do uso de uma matriz e vácuo. Com essa tecnologia única é possível usar placas de diferentes materiais, espessuras e acabamentos, para atender a qualquer exigência do mercado.

O crescimento da Biesse no sector dos materiais tecnológicos decorre de escolhas estratégicas baseadas no aumento e preenchimento da linha de produtos e nos investimentos em recursos humanos específicos das áreas técnica, comercial e de serviços, dando suporte concreto aos nossos clientes em todas as partes do mundo e para todo tipo de exigência. O interesse que os nossos clientes demonstram nos impulsiona a crescer ainda mais e a pesquisar para eles a excelência tecnológica capaz de transformar o processo de fabricação," afirma Matteo Nazionale, Gerente de Negócios de materiais plásticos e compostos da Biesse.
Os clientes presentes tiveram a oportunidade de vivenciar plenamente o espírito inovador da Biesse e conhecer as soluções integradas e de vanguarda em automação fabril e digitalização. Entre estas encontra-se a SOPHIA, a plataforma Biesse que permite aos seus clientes acessem uma ampla linha de serviços de simplificação e racionalização do gerenciamento do trabalho. Baseia-se na conexão a um serviço da nuvem e em sensores especiais existentes nas máquinas da Biesse. Permite registrar e enviar, em tempo real, informações e dados sobre as tecnologias em uso para otimizar o desempenho, evitar falhas e aumentar e a produtividade das máquinas e dos sistemas. Além disso, a conexão direta ao portal de peças de reposição da Biesse e a possibilidade de atualizar software com apenas alguns cliques oferecem aos clientes ferramentas de trabalho diário capazes de simplificar uma miríade de tarefas.
Posteriormente, a Biesse estará presente nos mercados europeu e mundial, participando em importantes feiras do setor, nomeadamente a Fakuma 2018, de 16 a 20 de outubro.

As portas da Biesse estão abertas para quem processa materiais tecnológicos: Foto 1
As portas da Biesse estão abertas para quem processa materiais tecnológicos: Foto 2
As portas da Biesse estão abertas para quem processa materiais tecnológicos: Foto 3
As portas da Biesse estão abertas para quem processa materiais tecnológicos: Foto 4
As portas da Biesse estão abertas para quem processa materiais tecnológicos: Foto 5
Go to top of page